Blog

Amamentação dos pequenos pets

  1. 21 Set 2018
  2. 907
Amamentação dos pequenos pets

Assim como os seres humanos, os filhotes de pets também precisam da amamentação para viverem, a principal fonte de nutrientes nos seus primeiros dias de vida. A amamentação de um filhote de cachorro ou gato é fundamental para que ele cresça forte e saudável, mas, muitas vezes, eles acabam desmamando muito cedo, sendo o abandono e os maus-tratos alguns dos principais motivos.

Nestes casos, os tutores ou protetores precisam saber que não basta fazer a amamentação do pequeno animal, pois ele sentirá falta da presença materna. Por isso, o tutor precisa substituir essa figura não só na hora da amamentação. Entre as atividades, está mantê-lo aquecido e fazer massagens nas costas do filhote para melhorar a circulação do sangue.

A melhor solução é encontrar uma “ama” de leite para este bebê, mas isso nem sempre é possível. Neste caso, cada fase da amamentação requer um cuidado e uma receita diferente. Se o filhote tiver menos de uma semana de vida, a amamentação precisa acontecer com 13ml de leite para cada 100g do filhote, a cada três horas.

A partir da segunda semana, a quantidade de leite sobe para 17ml/100g, por amamentação, passando para 20ml após a terceira semana de amamentação. 

Na quarta semana de vida, a amamentação passa a ser de 22ml por 100g do filhote, sendo introduzida a papinha, mas bem pouco de começo. Já a partir da quinta semana, a papinha substitui a amamentação. Alimente seu filhote com papinha duas vezes por dia e de duas a quatro vezes ao dia com ração especial de filhotes.

Não se esqueça que a amamentação é uma parte muito importante do crescimento saudável do filhote e deve ser levada a sério. Assim, seu pequeno animal e saudável.

Deixe um Comentário

Curta nossa página

Posts Recentes