Blog

Animal de estimação não é brinquedo

  1. 11 Dez 2015
  2. 434
Animal de estimação não é brinquedo

Enfim, entramos na reta final do ano. Tempos de correria e de pensar em presentes, apesar de toda a crise. Na lista dos mimos preferidos pelas crianças, os pets ganham sempre destaque, com o costumeiro choro diante dos pais. Só que a decisão de presentear uma criança com um cão ou gato precisa ser muito bem pensada, pois o grau de comprometimento e responsabilidade é muito grande. O que para uma criança...Bem, o trabalho acaba mesmo nas mãos dos pais.

Antes do mais nada, você precisa pensar nos compromissos que vai assumir junto com a família. É possível ter uma ideia, olhando para o tempo médio de vida de um pet: pode variar, de acordo com a ração do animal, de 10 a 15 anos, ou até 20 anos, no caso dos gatos. Ou seja, realmente, é uma verdadeira vida. São longos anos de cuidados médicos, com alimentação, higiene, com lazer, carinho e atenção que estes serem exigem. Isso tudo mostra que "animal de estimação não é brinquedo".

Para ajudar a quem planeja presentear alguém com um pet, o World Animal Protection (WPA) preparou um roteiro de dicas. Confira:

# Prepare sua família, inclusive as crianças: Um animal de estimação irá mudar a dinâmica do seu lar e requer planejamento para que todos ajudem com as tarefas. Toda família deve estar de acordo com a decisão de ter um pet e assumir essas responsabilidades durante todos os anos de vida do animal. 

# Prepare o seu lar: Uma coleira, uma cama e tigelas (para água e comida) são alguns dos itens necessários. Os cães às vezes se comportam como crianças de dois anos de idade e é preciso garantir a segurança do animal, bem como da sua família. Por exemplo: não deixe produtos de higiene ao alcance do pet, mantenha os lixos tampados, cubra ou esconda cabos elétricos etc. E informe-se sobre como treinar o seu animal para evitar problemas de comportamento no futuro. 

# Adote: Priorize sempre adotar ao invés de comprar um animal. Ao adotar um cão ou gato, você ajuda os animais abandonados e não estimula o comércio indiscriminado que, muitas vezes, é realizado de forma abusiva e cruel. 

# Se for Natal, presenteie-o depois das festas: Se você realmente quer presentear alguém com um animal de estimação, sugerimos que lhe dê apenas as tigelas ou a coleira no dia do Natal. Desta forma, a sua família se surpreenderá e poderá, depois da correria das festas de fim de ano, se sentar e discutir com calma o tipo de animal de estimação que querem cuidar, as responsabilidades etc. 

Deixe um Comentário

Curta nossa página

Posts Recentes