Blog

Dicas para escolher a melhor coleira para o pet

  1. 17 Mar 2020
  2. 729
Dicas para escolher a melhor coleira para o pet

Pronto! Chegou a sagrada hora de passear com o pet! E lá meu um pergunta bem comum: onde está a coleira? Por mais que os tutores não pensem, este artigo é fundamental na convivência com os pets, desde o passeio diário até mesmo para o cumprimento de uma série de comandos de obediência.

Uma rápida passada em um mercado ou em um petshop vai exibir uma série de opções de coleiras, da mais tradicional aos modelos chamados de enforcadores. Uma coisa é certa: é preciso ter muito cuidado na hora da escolha, pois a coleira é um item vital para o bem-estar dos animais.

Dois pontos são essenciais na hora da compra: o nível de segurança que a coleira oferece e também o controle que ela permite sobre o cão. No primeiro caso, a segurança é para proteger o animal, evitando que ela fuja correndo pela rua. No caso do controle, lembre-se que você é quem deve controlar o animal, e não ao contrário.

Uma questão você precisa ter sempre em mente: as coleiras não são todas iguais. Seja de pescoço, gentle leader, martingale, peitorais ou enforcadores, cada uma delas foi projetada com um propósito específico. Veja abaixo algumas diferenças entre elas:

Coleira de pescoço tradicional

Grau de habilidade do líder: Baixo.
Nível de controle sobre o cão: Baixo.
Conforto: Médio

Coleira gentle leader

Grau de habilidade do líder: Alto.
Nível de controle sobre o cão: Alto.
Conforto: Médio

Coleira martingale

Grau de habilidade do líder: Médio.
Nível de controle sobre o cão: Alto.
Conforto: Alto

Peitorais

Grau de habilidade do líder: Baixo.
Nível de controle sobre o cão: Baixo.
Conforto: Alto

Enforcadores

Grau de habilidade do líder: Alto.
Nível de controle sobre o cão: Alto.
Conforto: Baixo

Deixe um Comentário

X