Blog

O poder dos exames de imagens no tratamento de cães e gatos

  1. 18 Abr 2017
  2. 493
O poder dos exames de imagens no tratamento de cães e gatos

Os avanços da medicina veterinária foram muitos ao longo das últimas décadas e, com isso, muitos dos equipamentos que eram, exclusivamente, da medicina humana, também já fazem parte da rotina dos profissionais veterinários que trabalham com exames diagnósticos e de imagem.

Com isso, a identificação de uma série de doenças e problemas que surgem na vida de animais domésticos é muito mais simples e precoce nos dias de hoje, permitindo que tratamentos mais eficientes possam ser indicados e que os animais enfermos tenham cada vez mais chance de cura.

Entre as soluções disponíveis estão a ressonância magnética e a tomografia computadorizada, que ajudam os veterinários na identificação de problemas e no tratamento de animais.

A ressonância magnética permite uma análise detalhada do sistema nervoso central dos animais, sendo funtamental para a avaliação das partes não ósseas dos animais. O exame de ressonância magnética trouxe muitos benefícios para os animais de pequeno porte como cães e gatos. Por meio dele, é possível identificar a existência de complicações das mais diversas de forma específica e iniciar tratamentos de maneira imediata.

Já a tomografia computadorizada é recomendada para avaliar porções do corpo do animal que não podem ser claramente visualizadas por meio de outros exames de imagem (como radiografias e ultrassonografias comuns) ou para complementá-los. O exame de tomografia computadorizada é feito com o uso de radiações ionizantes, como o raio-x convencional, gerando imagens radiográficas transversais de determinadas regiões do corpo do animal, e que podem ser reconstruídas em 3D. Isso permite que o profissional veterinário identifique complicações com alta definição.

A tomografia é um grande aliado dos procedimentos cirúrgicos. Esta solução também permite a avaliação clara de estruturas ósseas e da origem de massas tumorais em diferentes regiões (abdominal, torácica, entre outras), fornecendo dados precisos e concretos da situação em que se encontram regiões corporais dos animais como crânio, tórax, coluna, sistema músculo esquelético e abdômen.

Deixe um Comentário

Curta nossa página

Posts Recentes