Blog

Petiscos para pets: usar com parcimônia

  1. 18 Mai 2018
  2. 1205
Petiscos para pets: usar com parcimônia

O cardápio de alimentação de cães e gatos está cada vez mais variado. De bolo de aniversário e sorvetes à cerveja, as opções de petiscos oferecidas pelo mercado são muitas. 

No entanto, o tutor deve levar em conta que estas guloseimas precisam ser usadas com parcimônia, não devendo nunca substituir uma boa porção de ração animal.

Conhecidas como "alimentos especiais", tais alternativas não podem ultrapassar mais do que 10% da carga calórica diária do animal, segundo recomendam os especialistas. 

Outro cuidado é com as substâncias químicas, sódio e conservantes encontrados nestas guloseimas, levando risco para animais com problemas de coração, alergia ou diabetes.

Um alerta importante é colocar o petisco em último lugar na hora da alimentação do pet. É bom lembrar que todo cão ou gato deve ser nutrido de forma completa e balanceada, de acordo com a fase da vida em que está (filhote, adulto, idoso, e para as fêmeas: gestação e lactação), ou seja, ao menos 90% de tudo que o animal come tem que ser saudável e próprio para sua idade.

Deixe um Comentário

Curta nossa página

Posts Recentes