Blog

Cuidados ao dar comida humana para os pets

  1. 14 Abr 2016
  2. 473
Cuidados ao dar comida humana para os pets

Quem nunca resistiu à tentação de colocar um pouco de comida humana ou jogar aquele pedaço de carne para o alto para o cão pular e pegar? Às vezes, divertida e com sinal de carinho do dono, esta prática carrega uma boa dose de risco para a saúde do pet. Embora eles possam se alimentar com comida dos humanos, é bom ter muito cuidado na hora de escolher o que servir ao animal.

A primeira recomendação, claro, é ter muita cautela: antes de preparar a refeição do cão, o tutor deve procurar um médico veterinário para que a alimentação seja balanceada e também na quantidade correta. A segunda é conhecer bem a lista dos produtos do grupo de risco: são os alimentos gordurosos e temperados, chocolates, frutas ácidas, carne suína e açúcares, que precisam ser evitados.

Os animais podem fazer refeições com comida caseira, desde que haja uma orientação para que todos os nutrientes necessários sejam adicionados à dieta, e que se evitem os itens prejudiciais. Do contrário, eles podem ter problemas nutricionais relacionados ao excesso ou deficiência de nutrientes, o que pode trazer consequências à saúde e se transformar em doenças crônicas e de difícil reversão.

Cuidados especiais

No caso dos cães em condições especiais, por exemplo, aqueles que já tiveram cálculo renal, é preciso redobrar ainda mais os cuidados. Alimentar estes pets com beterraba e vegetais de folhas escuras, como a couve, nem pensar.

Para os animais que não possuem restrição alimentar, os donos podem preparar refeições com carnes magras, carboidratos de baixo índice glicémico, como batata doce, inhame, arroz integral, vegetais como abobrinha, chuchu, cenoura e folhas verdes. Vísceras, como fígado, também podem ser incluídas na dieta.

A refeição natural para cães, caso sejam alimentados com comida humana de forma incorreta, pode tornar os animais obesos ou muito magros, além de desenvolver má formação óssea em filhotes, ter problemas reprodutivos, anemia e queda de pelos. Entretanto, quando preparada de maneira correta, a alimentação possui benefícios.

Entre eles estão a melhora da pelagem, a diminuição do odor das fezes e do risco de doenças crônicas em longo prazo, até mesmo o câncer. Mas, para isso, deve ser preparada de maneira correta e com os ingredientes certos.

Deixe um Comentário

Curta nossa página

Posts Recentes